terça-feira, março 30, 2010

POEMA BOBO PRA NENEM DORMIR



Este cachorro inquieto
é muitissimo esperto.

Rói o osso
a descoberto
se não tem ninguém por perto

Dorme e ronca no sofá
Late quando estou dormindo
estraçalha os chinelos
faz xixi no meu jornal
come as plantas do quintal
avança em qualquer farelo.

Pula em cima das visitas
lambe, cheira, beija e grita
seu uivinho infernal,
rasga todas as revistas

Balança o rabo tão lindo
que ralhar
quem haveria?

E eu
sua presa confessa
não o trocaria
por nada

Esta criaturinha arteira
vale toda a trabalheira.

E em quantas vidas vier
quero trazer de amuleto
este branquinho travesso

Eu mereço!

(Elza Fraga)

4 comentários:

ONG ALERTA disse...

Uma feliz páscoa e paz no seu coração!!!

Zélia Guardiano disse...

Simplesmente adorei, Elza!
Tenho também a minha Babette. Idêntica ao seu bebê.
Também me faz de gato e sapato...
Virou gente!

Um abraço

Matéria Escura disse...

gostei
igualzinho ao meu.

Elza Fraga disse...

No dia 29/09/2011, as 11:50, com um sol
bonito entrando pela janela, comigo segurando sua
patinha, partiu pro Planetinha Luz o meu Nenem Francisco Fraga. Estou na paz, sou uma criatura
criada por Deus, que me permitiu dar a ele uma família até seu último momento. Fico consolada na crença , pois sei que
ainda me encontrarei com ele quando da minha partida. Fiquem todos os meus
amiguinhos na Luz do Senhor, Criador de todas as criaturas e de toda a
vida que há na natureza.
Agradeço a Deus por ter me permitido, por 14 anos, a sua companhia alegre, que tanto me ensinou de amar sem exigir em troca.
Cumpri minha missão com ele com alegria, até o fim ele foi meu fardinho leve,
minha cruzinha de isopor.
Deus nos abençõe sempre.