segunda-feira, março 04, 2013

NÃO CHORE CHUVA, MEU RIO



Meu Rio tão triste
chorando chuva
miúda
lavando a dor

Ainda assim vela por nós
pelo olhar
do Cristo redentor.

Idoso querido,
insiste e persiste
sem cuidador,
a deriva
tentando vida.

Sente frio,
velhinho, velhinho,

aniversariante
com vela sem bolo
em cima de mesa.

Maquiado nas praias
de onde sai a sujeira

pra ser escondida
nas areias

longe,
bem periferia,

sem turista
sem defesa...

[elza fraga]

2 comentários:

Anônimo disse...

where do I obtain this

Also viѕit my page: green smoke

Anônimo disse...

Woω, wonderful blog layout! How long havе уou been bloggіng for?

you mаkе blogging look eаsy. Τhe overall look of your web site
is great, as ωell as the сontent!

Feеl free to ѕurf to my homepagе - Www.Pengchat.com